CHAT _
EletrônicaBR.com
collapse collapse
Patrocinador

KLV Notebooks
Troca, Venda e Promoes
eletronicabr
Top Joinhas
infosquad infosquad
Joinhas: +1702\-3
hds-tec hds-tec
Joinhas: +1603\-2
DSystem DSystem
Joinhas: +1290\-7
vlad_itj vlad_itj
Joinhas: +1224\-1
Gilson Macedo Gilson Macedo
Joinhas: +1209\-4
Perciva Perciva
Joinhas: +1122\-2
kotnatan kotnatan
Joinhas: +1005\-0
K0rTy K0rTy
Joinhas: +651\-16
Cassio Almeida Cassio Almeida
Joinhas: +613\-2
edsonninja edsonninja
Joinhas: +607\-0
FLAVIOTECH FLAVIOTECH
Joinhas: +603\-0
curtolo curtolo
Joinhas: +590\-2
William_R William_R
Joinhas: +578\-0
CJ CJ
Joinhas: +576\-6
Darlanz bruffati Darlanz bruffati
Joinhas: +557\-4
Patrocinador

SevenTec SMD
Arduino EletrncaBR
FLAVIOTECH
um dia atrás por FLAVIOTECH
Visualizações: 24 | Comentários: 0

Um SSD (Solid State Drive) é um dos modos de dar um upgrade no computador. Substituto e concorrente do HD (disco rígido) tradicional, a peça traz uma série de melhorias, principalmente de velocidade, para a máquina, seja um desktop ou um notebook. Apesar do preço mais elevado, algumas vantagens colocam o modelo no topo das opções de compra.

Seja você um gamer profissional ou um usuário doméstico que deseja mais desempenho e um sistema que rode de forma fluída, o SSD pode ajudar. Confira agora as principais vantagens que o disco sólido pode trazer para o seu PC e descubra se o investimento vale a pena.



Inicialização rápida do sistema

Quanto tempo o seu computador demora para inicializar? Faça o teste. Contabilize quantos segundos (ou minutos) demora para o seu PC ficar pronto para uso desde o momento que você aperta o Power. Ao apertar o botão, a fonte irá ligar e fornecer energia para todos os componentes do PC. Então, a BIOS fará o teste com todos eles e reconhecer processador, quantidade de memória e todos os outros periféricos.

A partir desse momento o Windows começará a ser carregado do HD para a memória RAM e então para o processador. Depois de alguns segundos o Windows inicializa, mas ainda é necessário esperar algum tempo até que todos os programas que iniciam junto com o sistema operacional, como antivírus, também sejam iniciados e fiquem funcionais. Só então que o PC estará pronto para uso.



Em HDs tradicionais, este processo, também chamado de boot, costuma demorar cerca de um minuto. Em alguns casos menos e em outros casos mais, dependendo da configuração e estado da sua máquina.

Com o uso de um SSD, o processo de boot não deve demorar mais do que 10 segundos, no máximo. Isso ocorre porque o disco sólido usa chips de memória flash e é totalmente eletrônico, diferente do HD, que usa pratos magnéticos e dispositivos mecânicos para fazer a leitura dos dados.

Desta maneira, o SSD tem a possibilidade de iniciar programas e acessar arquivos de maneira muito mais rápida que um disco rígido comum. Assim, o seu sistema operacional, seja ele Windows, Mac ou Linux, iniciará e estará pronto para uso em muito menos tempo.

Inicialização rápida de programas

Se você trabalha diariamente com programas pesados, como Photoshop, AutoCAD, Adobe Premier e outros softwares que exigem muita memória e processamento, deve perder segundos preciosos de seu dia de trabalho aguardando a inicialização.

Mas já pensou se você clicasse no ícone do programa e o software abrisse em questão de segundos, sem muita espera? Com o SSD isso é possível. Conforme já explicado no tópico anterior, o fato dos dados serem armazenados em chips de memória flash torna o acesso muito mais rápido.

Assim, ao clicar no ícone do Photoshop, por exemplo, o programa irá abrir e ficar funcional em poucos segundos, não atrapalhando a produtividade. O mesmo vale para qualquer outro software disponível no computador.

Rápida execução de jogos



Se você gosta de jogar no computador, sabe que quanto melhor os gráficos, mais pesado ele é e mais tempo leva para iniciar. Além disso, os games atuais, cada vez mais complexos e realistas, ficam constantemente recorrendo ao HD em busca de arquivos, como texturas, configurações e outros.

Se o seu dispositivo de armazenamento for rápido, como um SSD, o próprio jogo irá abrir em menos tempo, junto com a busca dos arquivos necessários para que ele rode. Isso com certeza melhora o desempenho do game em seu computador.

Taxas de leitura, escrita e transferência mais rápidas

Mesmo o HD mais rápido, que possui 10 mil RPM (Rotações Por Minuto), não se compara com os SSDs. Os Solid State Drives gravam e transferem arquivos com muito mais velocidade. Portanto, você também não precisará esperar muito tempo para transferir ou gravar um arquivo gigantesco em seu PC.

Menos ruído e calor

Os HDs, como já mencionado, possuem pratos magnéticos em seu interior que giram com velocidades altíssimas. Isso causa dois efeitos colaterais: mais ruído e mais calor. Quanto mais rápido o prato magnético gira, mais ruído ele produz e mais calor ele vai gerar dentro da máquina. Isso é um problema especialmente em máquinas compactas, como os ultrabooks.

Já os SSDs, por utilizarem chips de memória flash soldados na placa lógica, não produzem ruído algum e o nível de calor gerado é bem menor que de um HD rodando a 10 mil rotações por minuto. Isso permite que as fabricantes criem computadores que não façam tanto barulho e que não esquentem tanto por causa do componente de armazenamento.

Máquinas mais finas



Os SSDs também são muito mais compactos que os HDs. Com uma espessura de apenas alguns poucos milímetros, é possível fabricar ultrabooks tão finos quanto uma caneta, como é o caso do novo MacBook ou do Macbook Air, ambos da Apple.

Além de finos, os computadores são leves, visto que os SSDs ocupam pouquíssimo espaço e pesam apenas poucas gramas. Portanto, se você precisa de um ultrabook potente, mas que seja, ao mesmo tempo, leve e fino, os SSDs possibilitam que isso seja realidade.

Livre de desfragmentação

Quem usa um HD sabe: de tempos em tempos é preciso desfragmentar o disco para melhorar um pouco o seu desempenho. Nos discos rígidos comuns, os arquivos são gravados em diferentes setores. Por isso, na hora de ler os arquivos, o braço mecânico do HD precisa percorrer um caminho muito maior para "juntar” todas as partes dele. E isso leva tempo.

Se você quiser ter um tempo de acesso um pouco menor, é necessário desfragmentar o seu HD. Este processo junta todas as partes dos arquivos, deixando elas em sequência, de forma que o braço mecânico percorra um espaço menor. Porém, o processo de desfragmentar o HD é demorado e requer muito processamento.

Muitas vezes, o computador fica inutilizado durante o tempo em que o HD está sendo desfragmentado, porque o processador está empenhado apenas nesta tarefa, que pode levar algumas horas, dependendo do estado de fragmentação de seu disco.

Já com os SSDs não existe necessidade de desfragmentação, já que os arquivos podem ser acessados aleatoriamente e em qualquer setor do chip de memória. Então, é menos uma manutenção preventiva que você precisa fazer em seu PC.

Desta maneira, podemos concluir que os SSDs trazem vantagens irresistíveis em relação aos HDs. Embora custem um pouco mais caro e tragam menos espaço, os ganhos em velocidade e desempenho compensam o investimento.

Fonte: *** Você não tem permissão para ver links. Registre-se ou Login

Agradeça a postagem com um j+ incentiva!  8)
futuro3
2 dias atrás por futuro3
Visualizações: 32 | Comentários: 0

GoldEye Bar é um carregador solar portátil que promete recarregar todos os tipos de notebooks, inclusive aqueles com entrada USB-C, presente nos MacBooks e outros laptops mais modernos. Pesando 700g, o power bank gera cargas de até 19 V e conta com três configurações de voltagem (12 V, 16 V, 19 V).
Lista traz carregadores portáteis por até R$ 160

A bateria de 16.000 mAh pode ser recarregada tanto na tomada quanto através da exposição à luz do sol. Na eletricidade, bastam quatro horas para obter carga total. Já na captação feita através do uso do painel solar, esse tempo é estendido para aproximadamente dois dias.

De acordo com a fabricante, o GoldEye Bar é compatível com 99% dos aparelhos eletrônicos, como laptops, smartphones, câmeras digitais, leitores e-book e até mesmo a bateria de carros e barcos pequenos. Basta ter o conector certo para cada dispositivo.
O GoldEye Bar conta com duas portas USB, uma porta de entrada e outra de saída de energia. O pacote mais básico acompanha dois cabos: um USB e outro para a porta de saída. No entanto, caso o usuário precise, a empresa se disponibiliza a enviar um cabo USB-C.






O modelo mais barato do dispositivo, na cor preta, sai por US$ 230,00 (cerca de R$ 760,00). A boa notícia é que o dispositivo pode ser encomendados por brasileiros, a taxa de entrega é de US$ 27,00 (aproximadamente R$ 89,00) e a previsão é de que o aparelho, que terá um ano de garantia, comece a ser distribuído em outubro.



Via Kickstarter

Fonte *** Você não tem permissão para ver links. Registre-se ou Login


Não esqueça do joinha ! Obrigado.
FLAVIOTECH
4 dias atrás por FLAVIOTECH
Visualizações: 71 | Comentários: 3

Cientistas da universidade técnica de Delft, na Holanda, criaram um novo sistema de armazenamento de dados que usa átomos para reter dados em uma estrutura tão densa que em 1 mm seria possível guardar 500 TB de informação.

Considerando que, hoje, a forma mais segura de guardar essa quantidade de arquivos envolve usar muitos discos (é possível usar 50 discos rígidos de 10 TB, por exemplo), a descoberta dos pesquisadores pode abrir espaço para sistemas muito mais compactos e econômicos do ponto de vista energético.



A estrutura do disco criado na universidade pode ser desmembrada em frações de 1 kilobyte e que cabem em pequenos retângulos de cobre, que medem 96 por 126 nanômetros, que significa ser 800 vezes mais fino que a espessura de um fio de cabelo. A base de cobre é polvilhada por átomos de cloro, que servem para estabilizar uma matriz que representa os dados.

Usando princípios da física quântica, os cientistas criaram um mecanismo que move os átomos conforme a necessidade. Posicionando um átomo de cloro sobre um de cobre, o sistema reconhece a posição como o 1 do código binário. Se, por outro lado, o cloro está embaixo, o valor é o 0.

O resultado desse método é um meio de armazenamento que atinge uma densidade de 500 terabits por polegada quadrada, algo equivalente a 500 vezes a densidade dos melhores discos rígidos vendidos comercialmente no momento. Os cientistas da universidade holandesa estimam que, a esse nível, é possível armazenar todos os livros já escritos pela humanidade em um HD do tamanho de um selo postal.

O vídeo abaixo, em inglês, dá mais informações sobre a tecnologia:


Atualmente, a pesquisa é encarada como promissora pelos cientistas, ainda que uma aplicação prática desse método de armazenamento esteja um pouco longe do uso comercial. O HD atômico apenas funciona em ambiente de vácuo perfeito e em temperaturas próximas do zero absoluto.

Fonte:http://www.techtudo.com.br/noticias/noticia/2016/07/cientistas-usam-atomos-para-criar-hd-de-1-mm-com-500-tb-de-espaco.html

Agradeça a postagem com um j+ incentiva!  8)
Josean Lima
6 dias atrás por Josean Lima
Visualizações: 48 | Comentários: 0

Fãs de quadrinhos, vocês estão cada vez menos órfãos no celular! A leitura até pode ser feita através de diversas alternativas atualmente, mas a Google acabou de lançar uma novidade, no Google Play Books, muito bacana para esse nicho de leitores: o Bubble Zoom.
Basicamente, o recurso utiliza o aprendizado da máquina – no que é popularmente chamado de “machine learning” – para detectar os balões recheados de texto em HQs, aumentando, assim, o tamanho deles apenas com um toque na tela. Com isso, os usuários de Android em celulares e tablets podem curtir layouts de páginas inteiras sem aquele típico desconforto de navegação e leitura.

Os balões são realçados com um toque

Conforme mencionado, existem alguns meios para fazer isso atualmente, mas ainda não há uma solução definitiva para uma navegação otimizada. Há problemas de resolução e de encaixe do formato dos quadrinhos na telinha – sendo que cada display pode esboçar uma reação diferente. O Comixology, por exemplo, faz isso e consegue atender bem à demanda, mas não realça os balões, especificamente.
O segredo do Bubble Zoom é a simplicidade: basta tocar num balão para ampliá-lo. Todos os formatos de HQ digital já utilizados são aceitos. A Google está disponibilizando o recurso com a última versão do Play Books em formato de prévia.

É bem mais fácil ampliar os balões com a novidade do Play Books

A ideia é aproveitar o embalo da San Diego Comic-Con, o mais importante evento de cultura pop do mundo, nos EUA, para promover a novidade – aliás, os fãs terão desconto de 50% em volumes seletos da Marvel e da DC durante a ocasião.


*** Você não tem permissão para ver links. Registre-se ou Login
FLAVIOTECH
uma semana atrás por FLAVIOTECH
Visualizações: 55 | Comentários: 1

HDR é uma sigla cada vez mais importante nas decisões de compra de quem decide investir em novos monitores ou televisores. A tecnologia, que garante imagem melhor graças a uma apresentação de cores de melhor qualidade, se divide em dois grandes formatos na atualidade.

De um lado, há o HDR10, formato livre e de distribuição mais simples, e do outro, o Dolby Vision, tecnologia HDR proprietária e de melhor qualidade técnica, mas com menor oferta de conteúdo e de televisores compatíveis. A seguir, você vai entender melhor as diferenças entre HDR10 e Dolby Vision.

HDR



O termo refere-se a uma tecnologia que permite que gravação e reprodução de imagens se beneficiem de cores mais vivas (HDR é uma sigla em inglês para “aumento de alcance dinâmico). O recurso está presente em monitores, TVs e câmeras de diversos tipos. No caso específico das TVs, o HDR é importante em aparelhos de alta resolução, uma vez que o nível de detalhe de displays com 4K (ou resoluções superiores) acaba beneficiado por uma reprodução de cor mais viva e próxima do real.

Há dois formatos de HDR oferecidos na atualidade e cada um deles tem suas especificidades: o HDR10 e o Dolby Vision.

HDR10



HDR10 é um formato aberto, que pode ser implementado por vários fabricantes e suportado por diversos tipos de conteúdo de maneira mais simples, já que não exige o pagamento de licenças para que produtores de filmes e séries ao utilizarem em suas obras. Outro ponto positivo é que dispositivos HDR precisam ser compatíveis com o HDR10: não existe TV ou monitor apenas com HDR do tipo Dolby.

Além dessa vantagem, a implementação do suporte dessa tecnologia é mais simples porque não exige hardware específico no televisor (e nem mesmo reprodutor de Blu-Rays e etc).

 A soma desses aspectos estão dando a dianteira para o HDR10 no momento: a tecnologia é suportada por uma maior quantidade de conteúdo (seja em streaming ou em mídia física) e possui uma maior base instalada de hardware, já que televisores com HDR10 acabam mais baratos de fabricar que aqueles com Dolby e, no fim das contas, quem suporta Dolby acaba tendo que suportar HDR10 em seus aparelhos.

Em outras palavras, se o televisor vem com HDR garantido na caixa, o HDR10 é suportado, já que é o padrão da indústria.

Embora o HDR10 tenha a liderança no momento, em virtude da facilidade de distribuição do formato, é preciso destacar que esse cenário pode mudar: a tecnologia rival da Dolby é mais cara, mas é melhor tecnicamente.

Dolby Vision



O formato proprietário da Dolby, no momento, é uma exclusividade dos aparelhos 4K da LG no Brasil (no exterior, marcas como Visio e Philips oferecem produtos com esse sistema). Já de cara, a grande diferença com relação ao HDR10 é que a tecnologia da Dolby é paga: ou seja, para dar suporte ao Dolby Vision em um filme, o produtor precisa pagar licenças de uso da tecnologia à Dolby. Além disso, o televisor (e até reprodutor de Blu-Ray, no caso dessas mídias) precisa ser compatível com o formato, do contrário ele não será exibido no televisor.

Apesar do caráter mais restritivo na forma de distribuição, no papel, o Dolby Vision tem claras vantagens diante do HDR10: em tese, o formato suporta até 10.000 nits (unidade de medida para brilho), enquanto que o HDR10 vai até 1.000. Porém, é importante lembrar que TVs atuais não chegam com facilidade à casa dos 1.000 nits e que essa especificação do Dolby pode vir a fazer diferença em novas gerações de Smart TVs, com displays melhores.

Outras vantagens técnicas são na forma como o Dolby instrui à TV sobre as imagens: a cada frame, a tecnologia HDR proprietária fornece dados de como a imagem deve ser exibida pela TV, reduzindo muito o nível de distorções e artefatos na imagem. Além disso, as cores no Dolby Vision são em 12 bits de profundidade ao passo que, no HDR10, ficam em 10 bits (bit é uma unidade de informação, quanto maior o número, mais detalhe).

Conclusão



No Brasil, apenas a LG fornece suporte à Dolby Vision em sua linha de televisores 4K. Nesse sentido, quem quer garantir sintonia com a tecnologia de ganho dinâmico de cores precisa considerar as TVs da marca. Que, como explicado anteriormente, também suportam de forma compulsória o HDR10, já que para ostentar a homologação do formato HDR o fabricante é obrigado a suportar o HDR10, tido como formato padrão no momento

Como a oferta é restrita e a tecnologia Dolby ainda não engrenou entre quem produz o conteúdo HDR (a rigor, no Brasil, a fonte mais acessível de vídeo em 4K com Dolby Vision seria a Netflix), efetuar uma compra em cima da premissa da maior qualidade do sistema não parece muito prática. No fundo, o Dolby Vision só tem vantagens sobre o HDR10 se você tiver o que assistir nele, e isso, no momento, está longe da realidade.

Quem, no entanto, investir em um televisor com Dolby Vision acaba tendo a certeza de que terá as duas tecnologias ao seu dispor. Mas, para tirar proveito da tecnologia da Dolby e ver imagens com qualidade de cor ainda superior ao HDR10, será preciso encontrar conteúdo compatível em Blu-Rays e streaming, algo que pode se mostrar bem difícil.

Fonte: *** Você não tem permissão para ver links. Registre-se ou Login

Dar um j+ vai pela informação postada!  8)
Páginas: [1] 2 3 ... 106
Patrocinador

Eletrnica Castro

* Top Poster do Mês

notebookgr notebookgr
663 Mensagens
curtolo curtolo
447 Mensagens
hds-tec hds-tec
422 Mensagens
Gilson Macedo Gilson Macedo
303 Mensagens
FLAVIOTECH FLAVIOTECH
297 Mensagens
NandoZimba NandoZimba
251 Mensagens
Kaio Macedo Kaio Macedo
229 Mensagens
hackit hackit
225 Mensagens
SERGIO_372 SERGIO_372
217 Mensagens
o__rionTG o__rionTG
200 Mensagens
camilagomes camilagomes
182 Mensagens
ElianLaptop ElianLaptop
164 Mensagens
K0rTy K0rTy
142 Mensagens
edipocunha edipocunha
113 Mensagens
erivaldofreitas erivaldofreitas
112 Mensagens
CJ CJ
104 Mensagens
marcomance marcomance
101 Mensagens
tecnotebook tecnotebook
98 Mensagens
nmercker nmercker
96 Mensagens
t-info t-info
96 Mensagens
Patrocinador

ftec
Patrocinador

global
Patrocinador

GearBest