Jump to content
infosquad

notícia 1ª Live EletronicaBR - Uso do osciloscópio na manutenção - TIRE SUAS DUVIDAS !

Rate this topic

Recommended Posts

ficou massa galerinha, perdi estou muito arrependido.  ?

Mas espero que na próxima  eu participe.

será que podemos falar um pouco sobre o frequencímetro na próxima? 

muito bom o que o Paulo falou no minuto 56:40, levar o scope para dentro do forum nas analises dos tópicos. 

Edited by ElianLaptop
  • Like 8
  • Haha 1

Share this post


Link to post
Share on other sites


Boa iniciativa! Sobre o uso do Scope eu só bem novato. Peguei algumas materias para ler mas eu não li ainda gostaria de saber mais sobre o assunto.

Mas ele me ajudou muito pra não perder tempo em alguns reparos. Um deles eu até registrei aqui. Porque eu vi falar em alguns fórum. Mas foi muito legal poder ver isso na bancada aqui.

 

https://eletronicabr.com/forums/topic/78358-dell-inspiron-14-13269-1-cedar_intel-não-carrega/

 

Ultimamente eu tenho usando muito ele pra verificar o circuito charger. Em alguns casos é muito arriscado você falar para o cliente comprar a bateria e no final tinha defeito no circuito charger e bateria do cliente estava boa.

 

Boa iniciativa ai pessoal parabéns a todos. 

j+ pra todos!

Edited by K0rTy
  • Like 4

Share this post


Link to post
Share on other sites

Comprei um da china de 50mhz pq n posso comprar um bom agora, mas vendo a live de vcs me arrependi. acredito q logo q eu me acostumar o uso do osciloscopio vou comprar um de 100mhz ou mais q isso. 

agradeço o tempo de vcs em nos fornecer essas info.

  • Like 4
  • Nice 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

@infosquad  muito show após assistir essa live comprei o meu osciloscópio, agora só estudar muito e praticar, valeu amigos do Eletrônica BR, não marquei todos das live por não sei o nome de todos mais valeu a todos que tavam na live, obrigado por compartilha os seus conhecimentos!

Edited by Jardel Aureliano
  • Nice 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

    Olá, vi a live depois, foi muito legal. Obrigado a todos que participaram por contribuir com o tempo e com o conhecimento. Sei que esta semente foi plantada e muitos poderão colher bons frutos. O tema foi interessante e as pautas foram boas. Para mim, o osciloscópio se resume na seguinte frase( quem assistiu Tundercats vai alembrar): Osciloscópio mê dê a visão além do alcance. Ele serve para isto, verificar se existe ou existiu em determinado ponto o sinal que deveria, verificação esta que não poderia ser feita com outro equipamento como o multímetro.

   Então, para utilizar o osciloscópio você deverá saber qual é o sinal correto para apenas verificar sua existência com o osciloscópio, então cai na lenda urbana de duas placas iguais, onde com uma boa pode-se consertar outra, não digo que pode, mas se você verificar qual é o sinal correto na boa, vai ajudar demais a conferir com o osciloscópio na placa ruim e chegar a um diagnóstico correto mais rapidamente.

  • Like 2
  • Nice 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Olá  tudo bem  amigos...

Gostei da live  o problema maior que muito usuários não utiliza o osciloscópio  e que o usuário não sabe interpretar qual sinal esta sendo gerado  no ponto de aferição ... não adianta falar que tem uma onda quadrada, a bios gera uma onda quadrada ... PWM  gera uma onda quadrada dependendo do tempo que ele habilita e desabilita o circuito, o charge gera uma onda quadrada etc.

 

Para quem quer utilizar o osciloscópio   o usuário tem que saber qual tipo de comunicação e gerada no ponto de aferição. já sabemos que  os laptop  em alguns pontos de aferição trabalha com comunicação SPI , SMBus e I2C o usuário tem que saber como funciona essas  comunicação se aprofundar o máximo possível.

 

Sobre ripple tem que haver os desacoplamento de DC/AC cuidado para não confundir ruido com  ripple isso pode ocorrer pelo  mal ajuste de time/div  e volt/div Sabemos também que todos sinais possui harmonias,   toda  sinal quadrado há  uma  senoidal em seu sinal.

 

Sobre um osciloscópio que não possui um a banda boa tudo que ele analisar vai ser um senoide  porque não vai ter uma boa visualização do sinal.  

Se eu não me engano participei de um post que falei sobre isso.

Se eu estiver errado peço  desculpa aos amigos  e que me corrijam  que estou sempre 'á apreender

 

Parabéns a todos que  participaram da live  e tiveram essa iniciativa.

 

Espero poder um dia  participar de uma próxima live porque ainda tenho muitas duvidas, mas continuo com alguns problema colocando a vida nos trilhos , mas não há mal que dure para sempre... fico grato por estar nessa família do eletronicabr.

Edited by tecgess
  • Like 5
  • Nice 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Tenho vontade de ter um Osciloscópio, mas o dinheiro não deixa. Ele pode ser substituído por um frequencímetro? Quero usar apenas em placas de desktop e notebooks.

Share this post


Link to post
Share on other sites

   Olá Oseiasgs22, infelizmente não. O preço do osciloscópio aqui no Brasil ainda é alto, o modelo Uni T que será sorteado aqui no Ebr não sai por menos de R$2.000 ou 2.500,00. Agora No Aliexpress você consegue por R$1.100,00. Só que para importar é o negócio: grandes descontos e grandes riscos.

   Para você que precisa do osciloscópio para manutenção em computadores veja o video do link abaixo. É um video muito bom feito pelo Prof. Romolo Filho, da LabelNET. Ele faz a comparação entre dois osciloscópios, um Hantek 6022be USB, de duzentos reais e um de bancada Tektronics TBS1052b.

  

 

    Também segue o link do aliexpress para a quem interessar dar uma olhada no modelo e no preço. Não estou dizendo que é bom ou ruim, que deve comprar ou não, mas estou mostrando uma opção para executar trabalhos ou estudos que pode sair por duzentos contos.

 

https://pt.aliexpress.com/af/hantek-6022be.html?d=y&origin=n&blanktest=0&jump=afs&SearchText=hantek+6022be&initiative_id=SB_20180318124312&isViewCP=y&catId=0

 

   Agora, quem viu o link acima, confirmou o valor dos osciloscópios de bancada, que podem sair a partir de 1.000,00 reais. São uma boa opção.  

  Se quiserem comprar qualquer coisa no aliexpress e ganharem de volta 3.5% do valor de qualquer compra, é só se cadastrar no link abaixo , é da Meliuz.

 

https://www.meliuz.com.br/i/ref_75582db0?ref_source=2

 

Espero ter ajudado.

 

 

  • Like 7

Share this post


Link to post
Share on other sites

Agradeço pelas informações. Mas como o eu disse antes, não tô podendo comprar um osciloscópio agora, e como vi que o frequencímetro mede cristais, achei que pudesse servir.

Share this post


Link to post
Share on other sites

    Certo, veja os videos completos e você entenderá mais um pouco entre a diferença do frequencímetro e osciloscópio. Uma parte muito importante é a demonstração do uso em placas de computadores.

Share this post


Link to post
Share on other sites

@infosquad  e todo o pessoal que administra o forum,

Grande iniciativa! Assisti o vídeo e foi muito interessante e esclarecedor. Obrigado a todos!

Pra resumir numa frase, "Osciloscópio não é bola de cristal". 

Eu tenho um Tektronix analógico 2230, dois canais de 100 MHz, que comprei (bem) usado e deve ser mais antigo que muita gente que participa desse fórum. Mas é uma ferramenta e tanto e desde então, venho me informando e estudando, e tenho me esforçado para utilizá-lo cada vez mais no dia a dia. 

Grande abraço a todos!

Share this post


Link to post
Share on other sites

Tenho um Hantek DSO120B é um Excelente Osciloscópio  200mhz  dois canais. Mas é como se falou nos vídeo tem que saber o que esperar...  Mas me ajuda e muito em Bios.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Vou comprar um tektronix 2 canais 100mhz não sei usar. Mas vou apreender com ajuda do forum. Todos falam que vale a pena então não posso mais deixar de ter um.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Ao montar o meu Lab eu fiz questão de comprar o osciloscópio, mesmo recebendo a dica para deixar para depois, mas sabendo da importância fui e adquiri um barato o Hantek 6022, pois não dava para ter um mais top e para frequência mais alta. Mas a pessoa se preparando, mesmo uma ferramenta mais simples possível se torna incrível, se a pessoa sabe das necessidades da máquina, as frequências que o circuito necessita (seja por conhecer o circuito ou ter o datasheet em mãos) ela poderá mostrar a tensão em relação ao tempo, formando a frequência para o técnico formar a sua análise, pois ele sabe o que o circuito necessita e o osciloscópio irá mostrar se aquilo estar como o esperado.

Pegando uma referência de outra profissão, um médico utiliza exames para saber determinada frequência de batimentos cardíacos, como eletro, teste ergométrico e entre outros, talvez o osciloscópio de assemelhe para entendermos melhor aquele circuito eletrônico.

Edited by Rafael Ávila Tec

Share this post


Link to post
Share on other sites
22 minutos atrás, moacir rodrigues disse:

Não consigo mais trabalhar sem osciloscopio. sem ele é como jogar futebol com bola de meia. 

 

Boa tarde, amigo.  Qual a utilidade dele numa bancada pra conserto de placa mãe de desktop e notebook? No que ele facilita e torna viável o conserto?

Share this post


Link to post
Share on other sites

a importância do osciloscópio em relação a celular é visualizar o funcionamento do clock do cristal.

dentre outros como fontes variação se esta ok

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Restore formatting

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.


  • Similar Content

    • By jojomanjo58
      💥Essa daqui vai para os fãs de um futebol! 💥

      Quando virar pai, se eu puder dizer uma coisa ao meu filho sobre essa quarentena, com certeza será: foi o ano em que joguei tudo que tinha para jogar em relação a futebol. Eu não estou brincando.
      .
       Segue a lista dos jogados até agora: Brasfoot, Sokker, FIFA , PES... Enjooei tanto desses que fui procurar por novos, e deu vontade de compartilhar esse com vcs!
      (afinal, jogo bom merece ser promovido)
      .
      Estou falando desse cara aqui:  br.footballteamgame.com/join
      .
      Simplismente é o browser game que mais estou ansioso para jogar nesse ano, e acho q vcs vão gostar. Digo ansioso pq ele está para lançar mês que vem. Nele, a ideia é que criemos um jogador, gerenciemos um time e treinemos as habilidades do jogadores, entre outras coisas. Achei ele genial pq me pareceu q eles conseguiram misturar elementos de outros clássicos dessa pegada, sem deixar de lado o moderno e atual - dá até para montarmos um time com outras pessoas!
      .
      Bom, é isso, espero que curtam essa recomendação! Para desktop,  tbm ando jogando TF2, Foundation e Fall Guys, hehehhee.
      .
      Mas quem pilhar de se resgistrar nele, deixe o nick nos comentários, vai ser um prazer montar um time com vcs futuramente!
    • By elias.girardi
      Novo projetor pode ser colocado perto da parede para projeção — Foto: Divulgação/Epson
       
      O projetor Epson EpiqVision Ultra LS500 é o modelo mais recente da marca no mercado. Anunciado na última quarta-feira (16), o modelo chega para concorrer diretamente com o The Premiere, da Samsung, que foi revelado às vésperas da IFA 2020, em evento próprio. O modelo da Epson fica próximo à parede na qual vai exibir as imagens, que podem chegar a até 120 polegadas e têm resolução 4K.
       
      Com Android TV, o produto promete substituir uma smart TV, oferecendo os principais apps de streaming do mercado, como Netflix, Amazon Prime Vídeo, entre outros. Ainda sem previsão de chegada ao Brasil, o produto já está à venda nos Estados Unidos por US$ 4.999, cerca de R$ 26.200 na cotação atual, sem frete e possíveis impostos.
       
      O grande diferencial do EpiqVision é poder ser montado muito perto da área de projeção, o que dispensa a instalação de suportes adicionais e impede que pessoas atrapalhem a exibição passando na frente, por exemplo. A distância adequada para projetar em 120” é de cerca de 85 cm.
       
      Ao todo, o projetor tem medidas de 45,72 x 37,33 x 20,82 cm e pesa, ao todo, 9,29 kg. O produto pode transmitir em até 4K com brilho de 4.000 lumens, além de contraste em 2.000.000:1. O modelo também promete imagens em 3D através de óculos especializados.
       

      Projetor da Epson funciona "colado" à parede e tem design premium — Foto: Divulgação/Epson
       
      A TV possui ainda processamento HDR avançado de 10 bits e três chips 3LCD, sendo capaz de exibir todo o espectro de cores no padrão Rec. 709. A imagem também terá a capacidade de processar vídeos do analógico para digital em tempo real.
       
      A compatibilidade com Android TV é outro diferencial do modelo. Isto permite ao projetor rodar diversos tipos de apps, seja para assistir a filmes e séries via streaming ou ouvir músicas em serviços como Spotify e Deezer, entre outros. O projetor também conta com um controle remoto que permite acessar o Google Assistente para comandos de voz, entre outras possibilidades.
       
      O produto também traz alto-falantes em estéreo com 10 Watts RMS de potência. O número fica na média de televisores de entrada, mas deve ser suficiente para ambientes menores. Apesar disso, para compensar as 120 polegadas, deve ser mais interessante conectar uma caixa de som via cabo P2, ou até uma soundbar via HDMI.
       
      Vale ressaltar que a fabricante não fala sobre conectividades Bluetooth e Wi-Fi, trazendo como interfaces apenas uma porta LAN, três HDMI 2.0 de até 18 Gb/s e duas entradas USB tipo A.
       
      Fonte: https://www.techtudo.com.br/noticias/2020/09/projetor-epson-promete-substituir-tv-com-imagens-de-ate-120-polegadas.ghtml
    • By barbudoj
      Top de linha da Nvidia chega com nova arquitetura Ampere e impressiona com especificações
       
      GeForce RTX 3090 é a placa de vídeo top de linha da nova geração da Nvidia. Em torno de 2,5 vezes mais rápida do que a RTX 2080 Ti, a placa usa a nova arquitetura Ampere e, segundo a fabricante, tem poderio suficiente para encarar jogos em 8K a 60 fps. O modelo traz ainda reforços significativos em termos de rendimento na aceleração de Ray Tracing e na oferta de recursos exclusivos da Nvidia, como o DLSS 2.0.
       
      O preço, por sua vez, pode assustar: são US$ 1.499 (aproximadamente R$ 8.040), e o produto começa a ser vendido no próximo dia 24 de setembro. Confira a seguir mais detalhes a respeito da ficha técnica poderosa da RTX 3090 e saiba porque o lançamento da Nvidia é tão importante.
       

      GeForce RTX 3090 é a placa top de linha da nova geração da Nvidia — Foto: Reprodução/Nvidia
       
      Ficha técnica Nvidia GeForce RTX 3090:
       
      Lançamento: Setembro de 2020 Preço: US$ 1.499 (R$ 8.040) GPU: GA102 com 10.496 núcleos CUDA, 82 núcleos RT e 328 núcleos Tensor Velocidades: 1.400 MHz em clock base, turbo de até 1.700 MHz Memória RAM: 24 GB de GDDR6X a 19,5 Gb/s Interface de memória: 384 bits Largura de banda: 936 GB/s TBP: 350 Watts, requer fonte de 750 Watts  
      Especificações
      A GeForce RTX 3090 é a top de linha da nova família de placas da Nvidia, trazendo números que impressionam. No interior do processador gráfico há 10.496 núcleos CUDA de processamento, por exemplo.
       
      São esses que realizam o trabalho pesado da placa de vídeo e, quanto mais estiverem disponíveis, melhor: a GPU vai conseguir realizar mais trabalho ao mesmo tempo. As velocidades em que esse processador trabalha também impressionam. Segundo a Nvidia, a RTX 3090 de referência terá clocks de 1,4 GHz e que podem subir até 1,7 GHz com o turbo acionado.
       
      Outro item interessante é a memória, com 24 GB de RAM dedicada, em padrão GDDR6X, mais recente. Além disso, a interface utilizada é de 384 bits, ou seja, tem uma boa largura para mais transferir dados em menos tempo. A Nvidia fala em velocidades em torno de 936 GB/s entre os componentes.
       

      RTX 3090 chama atenção pela ficha técnica poderosa; novo design das placas Ampere também é destaque — Foto: Divulgação/Nvidia
       
      Outros números da top de linha também subiram em relação à geração anterior. O número de Tensor cores, os núcleos de inteligência artificial usados no DLSS – tecnologia revolucionária da Nvidia – subiu para 328. Esse recurso reconstrói uma imagem de menor resolução em alta a partir de inteligência artificial. Jogos que exploram a tecnologia podem rodar em Full HD internamente, mas visualizar o conteúdo em 4K – o que deve ficar mais fácil para a GPU com os núcleos específicos.
       
      Já o Ray Tracing também vai reforçado, com 82 núcleos RT. Com o poderio da placa em si e a possibilidade do DLSS 2.0, a RTX 3090 deve ter capacidade para rodar games em alta, mesmo mantendo uma boa resolução e fps elevado.
       
      Desempenho
       

      Placa aprimora o suporte ao DLSS 2.0 e Ray Tracing — Foto: Divulgação/Nvidia
       
      Todos os números anteriores indicam uma placa de vídeo poderosa. Segundo a Nvidia, a RTX 3090 deve entregar uma performance computacional bruta de 35 teraflops (TFLOPS), ou seja, 2,5 vezes mais performance em relação à RTX 2080 Ti, top de linha anterior da Nvidia. A nova placa também chega com desempenho 150% maior, algo interessante para rodar games com DLSS ativado.
       
      Já os ganhos de VRAM também são grandes, e a fabricante promete performance 52% superior em relação à opção premium anterior. As melhorias podem ser vistas ainda no Ray Tracing, que ganha com o número maior de núcleos RT: são 69 TFLOPS contra 34 TFLOPS na opção de arquitetura Turing.
       
      Consumo

      Segundo a Nvidia, seu PC precisa de fonte de 750 Watts para dar conta da RTX 3090 — Foto: Reprodução/Nvidia
       
      O custo de um hardware de alta capacidade e tantos componentes especializados está no consumo elétrico. A Nvidia aponta que para usar a RTX 3090 com segurança um computador deve contar com fonte de energia de 750 Watts.
       
      Em termos de consumo de energia, a Nvidia define o chamado TBP (sigla, em inglês, para “Energia Total da Placa”) em 350 Watts. Esse valor não é diretamente relacionado com o quanto a placa vai criar de despesa na sua conta de luz, já que o consumo é medido ao longo do tempo. Além disso, esse máximo reflete o pior cenário possível, ou seja, ter a placa sob um regime de alta demanda por um período prolongado de tempo.
       
      Tipos de uso
      A GeForce RTX 3090 é a placa gráfica mais poderosa do mundo na atualidade e seu principal cenário de uso é o gamer. O hardware de ponta da Nvidia deve funcionar como referência para quem deseja extrair o máximo dos grandes lançamentos de agora, assim como os títulos que chegarão nos próximos anos. A GPU deve ser suficiente para jogar em 4K sem problemas, além de encarar gráficos de realidade virtual ou até chegar aos 8K a 60 fps, pelo que promete a Nvidia.
       
      Além do uso em games, a placa se apresenta ainda como uma ferramenta poderosa nas mãos de profissionais de áreas de criação e de computação intensiva. Editores de vídeo, de imagens, quem faz modelagem em 3D, entre outros profissionais, podem tirar proveito do hardware poderoso da RTX top de linha para acelerar fluxos de trabalho e ganhar em produtividade.
       

      Placa da Nvidia é opção gamer para quem quer ter o melhor da tecnologia na atualidade, como ray tracing (RTX) e gráficos em 8K — Foto: Divulgação/Nvidia
       
      Outro cenário em que a RTX 3090 pode se sobressair é em aplicações de Inteligência Artificial. Equipada com hardware específico – os chamados Tensor cores – a placa conta ainda com a mesma arquitetura CUDA em que grande parte das ferramentas de processamento de IA são construídas na última década.
       
      Preço e concorrentes
      Ainda sem data e preço de lançamento no Brasil, a GeForce RTX 3090 estreia com preço sugerido de US$ 1.499 a unidade, valor que se traduz em R$ 8.040 na cotação atual. A placa chega ao mercado internacional no dia 24 de setembro.
       
      Em termos de concorrentes, é preciso considerar que a RTX 3090 não tem rival direta no mercado. As alternativas mais próximas são suas irmãs de arquitetura Ampere, como as RTX 3070 e RTX 3080. Outras alternativas são as RTX 2080 Ti, que podem inclusive ficar mais baratas nos próximos meses em virtude da nova geração. No Brasil, as opções mais em conta partem dos R$ 9.299 no momento. Já as RTX 2080 Super, um pouco abaixo em preço e hardware, aparece por cerca de R$ 6 mil no varejo nacional.
       
      Fonte: https://www.techtudo.com.br/noticias/2020/09/tudo-sobre-rtx-3090-conheca-a-placa-da-nvidia-que-roda-jogos-em-ate-8k.ghtml
       
       
       
       
    • By elias.girardi
      Equipamento ficou submerso na costa de Orkney, na Escócia, para testar sua eficiência energética nas profundezas do oceano; dos 855 servidores que funcionavam, apenas oito apresentaram defeitos.
       
      A Microsoft recuperou um data center que estava submerso há dois anos no fundo do oceano na costa de Orkney, na Escócia. O equipamento, desenvolvido para utilizar a baixa temperatura das águas profundas como sistema de refrigeração, foi removido para que sua eficiência energética pudesse ser testada. A iniciativa faz parte do Projeto Natick, e tem testado pequenos clusters de computação em nuvem localizados embaixo d’água para saber se a ideia é economicamente viável.
       
      Surpreendentemente, os primeiros resultados mostraram que os servidores armazenados no cilindro tiveram bem menos problemas do que os que ficam em data centers convencionais. “A taxa de falhas na água é um oitavo do que vemos em superfície”, informou o coordenador do Projeto Natick, Ben Cutler.
       
      Dos 855 servidores que funcionavam no data center, apenas oito apresentaram defeitos. “Nós acreditamos que tem a ver com essa atmosfera de nitrogênio que reduz a corrosão e é fria, e também por não ter pessoas batendo nas coisas”, completou Cutler.
       

      Segundo coordenador do projeto, data center submerso apresentou menos falhas do que os localizados na superfície. Crédito: Jonathan Banks/Microsoft
       
      Apesar de parecer uma tarefa difícil, os responsáveis pelo data center disseram que não houveram grandes complicações em manter a estrutura energizada no fundo do mar, nem mesmo com o fato de o abastecimento energético da região de Orkney ser totalmente verde, proveniente de energia eólica e solar.
       
      “Nós conseguimos funcionar muito bem no que a maioria dos data centers consideraria um grid não confiável. Esperamos poder olhar os resultados e afirmar que talvez não precisemos de tanta infraestrutura focada em energia e confiabilidade”, explicou Spencer Fowers, integrante do time técnico do projeto.
       
       
      Fonte: https://olhardigital.com.br/noticia/microsoft-recupera-data-center-que-estava-embaixo-d-agua-ha-dois-anos/106986

SOBRE O ELETRÔNICABR

EletrônicaBR é o melhor fórum técnico online, temos o maior e mais atualizado acervo de Esquemas, Bios e Firmwares da internet. Através de nosso sistema de créditos, usuários participativos têm acesso totalmente gratuito. Os melhores técnicos do mundo estão aqui!
Técnico sem o EletrônicaBR não é um técnico completo! Leia Mais...
×
×
  • Create New...