Jump to content
djsync

notícia Motores elétricos têm potência triplicada equipará grandes aviões

Rate this topic

Recommended Posts

Propulsão elétrica

010170211105-motor-eletrico-supereficiente-1.jpg.cbeebfbc96c760e62b0aa4827ba5daed.jpg

 

Uma empresa emergente dos EUA afirma ter descoberto um modo de triplicar a potência de um motor elétrico.

Os três engenheiros fundadores da H3X afirmam que seu novo motor será suficiente para passar qualquer avião para uma versão elétrica.

 

Segundo as diretrizes da Agência de Projetos de Pesquisa Avançada em Energia (ARPA-E) dos EUA, um sistema de propulsão elétrica de uma aeronave comercial equivalente a um Boeing 737 deve fornecer uma densidade de potência contínua de 12 kilowatts por quilograma (kW/kg). Para comparação, os motores elétricos atuais chegam no máximo a 4 kW/kg.

 

Segundo a empresa, porém, a densidade de potência do seu novo motor, chamado HPDM-250, atinge impressionantes 13 kW/kg, o que seria suficiente para eletrificar toda a aviação.

 

Supermotor elétrico

010170211105-motor-eletrico-supereficiente-2.jpg.83a33b300be244413ae4742c4906fc60.jpg

 

O HPDM-250 é mais do que um motor, compreendendo, além do motor elétrico propriamente dito, uma caixa de câmbio e todo o sistema eletrônico de potência, tudo em um pacote pesando apenas 15 kg.

 

"Ele apresenta o mais alto nível de integração do mercado, possibilitado por nossas metodologias de design holísticas baseadas em primeiros princípios e expertise multidisciplinar em eletrônica de potência e máquinas elétricas," afirma a empresa.

 

Com uma eficiência de pico combinada de 95,7%, o motor pode ir a até 20.000 rpm, com torque contínuo de 95 Nm e pico de 120 Nm.

 

Segundo os empreendedores, o motor é fruto de uma série de inovações, compreendendo:

  • Otimização do projeto eletromagnético
  • Jaqueta de resfriamento sinergística impressa em 3D
  • Bobinas de estator de cobre ultrapuro impressas em 3D
  • Sistema mais robusto de tolerância a falhas
  • Redução da resistência térmica
  • Eletrônica de potência SiC de alta frequência

 

 

Aviões e outros veículos elétricos

Dadas as limitações das baterias, a equipe acredita que o motor poderá impulsionar grandes aeronaves comerciais elétricas em voos por percursos de até 1.600 km.

 

"Com 13 kW/kg contínuo, o HPDM-250 excede os requisitos do ARPA-E e é pelo menos 3 vezes melhor do que os sistemas atuais. É uma mudança radical na tecnologia de propulsão elétrica e remove uma das principais barreiras que bloqueiam a comercialização generalizada de aeronaves elétricas," escreveu a empresa.

 

Mas o propulsor também poderá ser usado em qualquer outra aplicação onde o peso é importante, incluindo carros e barcos elétricos.

 

Agora é esperar que os novos motores elétricos supereficientes sejam avaliados por equipes independentes e sejam colocados à prova em protótipos reais.

 

fonte: inovacaotecnologica.com

  • Like 7
  • Nice 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

@djsync Tira esse pessoal que está avacalhando com o post.

  • Like 3

Share this post


Link to post
Share on other sites

@RTPI , feito.   Os IPs foram bloqueados e as mensagens removidas.

 

Quando presenciar algo do tipo, por favor, clique no botão Denunciar ao Moderador que fica mais fácil para tomarmos as providências necessárias.

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Restore formatting

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.


  • Similar Content

    • By Alexandre Grecco
      Meu smartphone é composto de 5 câmeras sendo duas delas forntais e bem pequenas, agora vem ess nova câmera menor ainda e de qualidade, logo teremos câmeras tão pequena que será preciso uso de micorscópio para os enchergar.Incrivel!
       
       

       
       
       
       
       
      fonte: https://olhardigital.com.br/2021/11/29/ciencia-e-espaco/camera-do-tamanho-de-um-grao-de-sal-grosso-e-capaz-de-produzir-imagens-nitidas-e-coloridas-do-corpo-humano/?fbclid=IwAR2gkTl4WtR0MziyW6sO7xe_0caRiM6If2jrr1olX2qf0iZXs3Jiu17nK28
    • By elias.girardi
      A maior diferença na arquitetura do transístor inteligente está na adição de uma porta adicional de programação (azul), além da porta tradicional de controle (vermelho). [Imagem: TU Wien]
       
      Transístor adaptativo
       
      Engenheiros da Universidade de Viena, na Áustria, criaram um transístor adaptativo, que pode ser controlado dinamicamente, em tempo de execução, para executar diferentes tarefas lógicas.
       
      Isso muda fundamentalmente as possibilidades de design de chips e abre oportunidades completamente novas no campo da inteligência artificial, das redes neurais e até mesmo da lógica multibits, que funciona com mais valores do que apenas 0 e 1, aproximando a eletrônica da computação quântica.
       
      Com toda a sua importância para a nossa era tecnológica, o transístor é um componente eletrônico projetado para fazer sempre a mesma coisa.
       
      Um transístor permite que a corrente elétrica flua ou não, dependendo se uma tensão elétrica é aplicada ou não a um eletrodo de controle. Mas "apenas" isso tornou possível construir os circuitos lógicos, as memórias, os processadores, enfim, toda a nossa tecnologia da informação.
       
      Um transístor "inteligente", por sua vez, cujo funcionamento pode ser controlado, promete abrir toda uma nova era de manipulação das informações, com uma flexibilidade para os projetos impensável com a tecnologia de hoje.
       
      Transístor inteligente
       
      A primeira novidade é que o transístor inteligente não é feito de silício, mas de germânio, um semicondutor com propriedades até melhores que o silício, mas mais difícil de trabalhar - recentemente, outra equipe usou o germânio para criar transistores que funcionam como qubits para computadores quânticos.
       
      O modo como a eletricidade é transportada em um transístor depende do material de que ele é feito: Ou há elétrons em movimento livre, que carregam uma carga negativa, ou podem estar faltando elétrons nos átomos, de modo que esse ponto fica com carga positiva, uma "lacuna", que também pode se mover através do material no sentido oposto.
       
      No novo transístor, tanto elétrons quanto lacunas são manipulados simultaneamente.
       
      "Nós conectamos dois eletrodos com um fio extremamente fino feito de germânio, por meio de interfaces extremamente limpas e de alta qualidade. Acima do segmento de germânio, nós colocamos um eletrodo de porta, como os encontrados nos transistores convencionais. O que é decisivo é que nosso transístor possui um outro eletrodo de controle, que é colocado nas interfaces entre o germânio e o metal. Ele pode programar dinamicamente a função do transistor," explicou o professor Masiar Sistani.
       
      Essa arquitetura de duas portas permite controlar separadamente os elétrons (cargas negativas) e as lacunas (cargas positivas).
       
      "Isso [é possível] porque o germânio tem uma estrutura eletrônica muito especial: Quando você aplica tensão, o fluxo de corrente inicialmente aumenta, como seria de se esperar. Após um certo limite, no entanto, o fluxo de corrente diminui novamente - isso é chamado de resistência diferencial negativa. Com a ajuda do eletrodo de controle, nós podemos modular a tensão em que esse limite se encontra. Isso resulta em novos graus de liberdade que podemos usar para dar ao transístor exatamente as propriedades que precisamos no momento," detalhou Sistani.
       

      A programação do transístor permite trabalhar com mais do que dois valores lógicos. [Imagem: Masiar Sistani et al. - 10.1021/acsnano.1c06801]
       
      Lógica multivalorada e uso industrial
       
      Para dar uma ideia do ganho que se obtém com a flexibilidade do transístor ajustável, a equipe demonstrou que um circuito simples, capaz de fazer as quatro operações aritméticas, pode ser construído com apenas 24 transistores inteligentes, enquanto exige hoje 160 transistores comuns de silício.
       
      "Até agora, a inteligência da eletrônica tem vindo simplesmente da interconexão de vários transistores, cada um dos quais tem apenas uma funcionalidade bastante primitiva. No futuro, essa inteligência poderá ser transferida para a adaptabilidade do próprio transístor," disse o professor Walter Weber, coordenador da equipe.
       
      Essa flexibilidade do componente eletrônico é particularmente interessante para o campo do hardware voltado à inteligência artificial, mais especificamente da chamada lógica multivalorada, na qual componentes conhecidos como multibits trabalham não apenas com 0 ou 1, mas com um maior número de estados possíveis, fazendo uma ponte entre a eletrônica e a computação quântica.
       
      E a aplicação industrial desta nova tecnologia não é algo distante no futuro: O germânio já é usado pela indústria microeletrônica, não exigindo nenhum processo de fabricação completamente novo. De certa forma, esta nova tecnologia de transistores adaptativos pode ser até mais simples: Hoje, os semicondutores precisam ser dopados, ou seja, enriquecidos com átomos de outros elementos, o que não é necessário com o transístor feito de germânio - ele é feito de germânio puro.
       
      Fonte: https://www.inovacaotecnologica.com.br/noticias/noticia.php?artigo=transistor-inteligente&id=010110211202
       
    • By JAROD
      No-break 1,2KVA, senoidal, operando em malha fechada: circuito de potência, circuito de controle analógico e circuito de controle digital com DSC
      No-break 1,2KVA, senoidal, operando em malha fechada: circuito de potência, circuito de  controle analógico e circuito de controle digital com DSC
      Uploader Enviado 30-11-2021 Categoria You are not allowed to view links. Sign in or sign up.  
    • By JAROD
      No-break 1,2KVA, senoidal, operando em malha fechada: circuito de potência, circuito de  controle analógico e circuito de controle digital com DSC

SOBRE O ELETRÔNICABR

EletrônicaBR é o melhor fórum técnico online, temos o maior e mais atualizado acervo de Esquemas, Bios e Firmwares da internet. Através de nosso sistema de créditos, usuários participativos têm acesso totalmente gratuito. Os melhores técnicos do mundo estão aqui!
Técnico sem o EletrônicaBR não é um técnico completo! Leia Mais...
×
×
  • Create New...