Ir para conteúdo
  • Cadastre-se
Tutakanmom

Seis coisas que não se deve fazer com seu SSD

Avalie este tópico:

Posts em destaque

Os discos SSD (drive de estado sólido) não são iguais aos discos rígidos magnéticos, por isso alguns cuidados devem ser tomados com eles. Confira abaixo seis dicas do que se deve evitar em hardwares desse tipo.

 

1 – NÃO DESFRAGMENTE DISCOS SSD

As unidades SSD não devem ser desfragmentadas porque possuem número limitado de gravações, que seriam “gastas” com a desfragmentação. Além disso, ela não irá aumentar a velocidade do driver, diferentemente dos discos magnéticos, onde a proximidade dos arquivos gravados facilita a leitura dos mesmos.

 

2 – NÃO DELETE ARQUIVOS SEM CERTEZA

A maioria dos SSD suporta sistemas operacionais com TRIM, que apaga permanentemente um arquivo quando ele é excluído pelo usuário, ao contrário dos sistemas operacionais que não suportam, apagando provisoriamente o arquivo e deixando a possibilidade de recuperá-lo no futuro com programas como o Recuva. Por isso pense duas vezes antes de apagar um arquivo em um SSD com SO que tenha TRIM.

 

3 – NÃO USE WINDOWS XP, VISTA OU DESATIVE O TRIM

Discos SSD necessitam de sistemas operacionais modernos, por isso não utilize Windows XP ou Vista neles ou ainda desative o TRIM do Windows 7. Como já foi dito no item anterior, o TRIM permite deletar permanente um arquivo, por isso se ele estiver desativado ou SO antigo sendo usado, o SSD terá vários arquivos deletados pelo usuário que continuarão ocupando espaço da unidade e retardando a gravação de novos.

 

4 – NÃO UTILIZE TODA A CAPACIDADE DE ARMAZENAMENTO

Se o drive SSD estiver cheio, a gravação de novos arquivos será lenta. Isso porque o SSD é dividido em blocos e caso ele esteja muito cheio, você terá vários blocos parcialmente usados. Com isso, quando um novo arquivo precisar ser gravado, o SSD terá que ler um bloco parcialmente cheio, modifica-lo e só então gravá-lo novamente (o que inclui os arquivos antigos e os novos).

 

A recomendação é de que você use no máximo 75% da capacidade total de sua unidade SSD, o que fará com que ela mantenha o bom desempenho.

 

5 – NÃO GRAVE ARQUIVOS CONSTANTEMENTE NELE

Quanto mais vezes arquivos forem gravados em uma unidade SSD, menor será seu tempo de vida útil. Portanto, tente minimizar ao máximo a quantidade de vezes que irá gravar arquivos ele, além de tentar evitar a utilização de programas que precisam gravar arquivos temporários.

 

6 – NÃO GUARDE ARQUIVOS GRANDES POUCO ACESSADOS

O SSD é menor, mais veloz e consome menos energia, além de ser mais caro. Por todos esses motivos, evite guardar nele arquivos grandes e pouco utilizados (como filmes). Esse tipo de drive é ideal para arquivos pequenos e muito utilizados, como programas e jogos (leves). O melhor é guardar arquivos grandes e que não serão acessados com frequência em um disco rígido magnético.Abraços!!!

SSD-01.jpg.29901f1d3cf4c5d8d36fe640b4a85739.jpg

Compartilhar este post


Link para este post
Compartilhar em outros sites

Com toda certeza, quanto mais tecnologia moderna, mais moderado será o seu uso. infelizmente, ou felizmente sei lá, tudo está caminha para um mundo tão futurista, que logo logo não precisaremos mais sair de nossas casa pra nada. Imagina só!!!

Compartilhar este post


Link para este post
Compartilhar em outros sites

Registre-se ou faça login para comentar

Você precisa ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora

SOBRE O ELETRÔNICABR

EletrônicaBR é o melhor fórum técnico online, temos o maior e mais atualizado acervo de Esquemas, Bios e Firmwares da internet. Através de nosso sistema de créditos, usuários participativos têm acesso totalmente gratuito. Os melhores técnicos do mundo estão aqui!
Técnico sem o EletrônicaBR não é um técnico completo! Leia Mais...
×