Jump to content
Sign in to follow this  
cyb3punk

utilizaçao de fonte varivavel para detectar curtos

Rate this topic

Recommended Posts

boas

 

nao sei se ja existe alguma explicaçao por aqui

 

se existir peço desculpa por estar a repetir

 

comprei minha fonte variavel ontem :-) e andei a pesquisar como usar

 

 

A utilização principal da fonte variável é para remoção de curto circuito na placa mãe de notebook, mas pode ser utilizada em outros sentidos ...

 

Na fonte assimétrica, você pode utilizar as pontas de prova do seu multímetro, ou seja, ponteira positiva e outra negativa para ser adaptada na fonte variavel. A ponteira positiva na positiva da fonte variavel e a ponteira negativa na negativa da fonte variavel.

 

Na fonte assimétrica, existem quatro potenciômetros: Dois para o ajuste da Voltagem, e dois para o ajuste da Corrente.

 

Nos dois ajustes de CORRENTE, vamos deixá-los no máximo.

 

Nos ajustes de VOLTAGEM, temos o "AJUSTE GROSSO" e o "AJUSTE FINO", o primeiro como o proprio nome já diz, serve pra subir a voltagem mais rapidamente, e o "AJUSTE FINO", serve para subir a voltagem de forma mais FINA (3,1v, 3,2v, 3,3v, 3,4v e etc)...

 

Então a voltagem devemos usar na faixa de 2,5v a 3,5v que é a tensão mais que suficiente para remoção de curto. É muito dificil precisar mais que isso para remover curto entao use como base essas tensões...

 

O uso da fonte assimétrica em conjunto com o Esquema Elétrico, ainda será mais preciso, visto que sabemos pelo esquema qual é a tensão de trabalho daquela linha, mas irei mostrar apenas a forma de encontrar curtos, sem o uso do esquema...

 

Um outro detalhe importante, a ponteira negativa que você vai adaptar na fonte variável você precisa também adaptar uma garra de jacaré nessa ponteira para você colocar na placa mãe do notebook. pois é muito mais fácil medir com uma garra de jacaré.

 

agora você vai colocar a ponteira negativa presa no terra da placa mãe e a positivo você vai colocar em componentes que são capacitores e mosfet....

 

Inicie com capacitores ... se o capacitor que você estiver jogando tensão for aterrado, então de um lado do capacitor que está ligado ao terra, sempre vai dar um consumo alto de corrente, sempre acima de 1 amper, já o positivo sempre vai dar a amperagem menor que o terra, ou seja, suponha que a linha do capacitor esteja em curto, um lado vai dar por exemplo 1,50A que seria o terra e o outro lado seria o positivo de 1,20A . , ou seja, o lado que der a menor amperagem,  é esse que vc tem que deixar a ponteira.

 

Então, metendo a tensão no lado do capacitor que apresentou a menor amperagem, você vai checar primeiramente os dois chipset tanto ponte norte e ponte sul, se o chipset estiver esquentando, e em volta dele nao esteja dando zerado e nem em cima dele, então essa linha não está em curto, pois o consumo apresentando na fonte assimétrica, é devido ao próprio chipset que está consumindo essa tensão, agora caso nao esquente o chipset ai sim começa a ficar interessante. pois você vai ter que sair pondo o dedo nos componentes para ver quem ta esquentando e consumindo a alta amperagem...

 

Inicie por perto do capacitor em curto, não notando nada esquentando passe para outros componentes como capacitores, transistores e inclusive o multi i/o, caso o multi i/o esquente certamente vai ter capacitores em volta dando curto, tambem caso se confirme realmente o I/O está em curto ... Como exemplo:

 

Ja peguei casos em que o PWM de 3,3 e 5 volts estava pegando fogo, e quando ligava a fonte externa do Notebook, em volta do PWM tinha capacitores em curto e jogando tensao no capacitor, esquentou o SUPER I/O, ou seja, o PWM estava esquentando, porque o o I/O estava em curto, e isso ocorre, porque em alguns casos é o PWM do Buck Convert que alimenta o SUPER I/O.

 

Uma outra forma de utilizar a Fonte variável, é adaptando um cabo da fonte universal nela, ou seja, você corta um cabo de fonte universal e coloca na fonte variável, com isso você terá todo os conectores da fonte universal no cabo da sua Fonte variável, dessa forma você consegue ligar a fonte variavel em 90% dos notebook do mercado.

 

Utilizando o método cimado acima, você detecta curto logo de cara ao ligar o notebook, pois no visor de indicação de amperagem, vai bater 5 amperes na fonte na hora que vc encaixar no notebook, também existe um tipo de curto na secundaria que ao apertar o botao de power a fonte variavel da uma piscada muito rapido no led de curto. vc tem que ficar esperto para perceber nesse caso. Nesses dois casos o procedimento citado de tirar curto se enquadra no metodo que ensinei para tirar o curto no inicio desse post.

 

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Boas dicas pra quem esta começando.

Qual fonte voce adquiriu? Estou pra comprar uma tambem.

Share this post


Link to post
Share on other sites

O ideal seria uma fonte de 30v. 5a

 

Tem vários tópicos sobre esta fonte. é so usar a busca do fórum.

 

 

 

You are not allowed to view links. Sign in or sign up.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Segui a sugestão do Wil..(Zumbi) e comprei na MRferramentas achei o preço até razoavel já que tem 10% de desconto pagando a vista, melhor que importar pois tem o frete e o risco de ser taxado.

You are not allowed to view links. Sign in or sign up.

Share this post


Link to post
Share on other sites

boas eu como sou de portugal aqui modelos tem nome diferentes

 

eu vou tirar foto para vcs verem.

 

mas é identica a esta apenas muda nome e cores

 

You are not allowed to view links. Sign in or sign up.

 

 

aqui em portugal a minha custou 115 eur é um bocado caro. mas ando tudo mais ou menos nesse preço ou mais

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Vlw!!! Estou sempre atras de dicas / massetes sobre como encontrar curtos em capacitores... o Ninja tb deus otimas dicas. Gostaria de saber sobre dicas em quais pontos podemos colocar injetar essas voltagens com segurança.

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

gostaria de saber se alguém aqui utiliza a fonte assimétrica como forma de diagnóstico tendo em conta os power states da placa.

 

abraço

 

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Parabens,tenho uma fonte variavel bem velinha analogica, e nao sei usala ainda

,com mais algumas dicas dessas fico fera no assunto ....

Share this post


Link to post
Share on other sites

Uma fonte de 3A serve para o efeito? Eu estou a tentar usar isso com a minha mas acho que nao esta a resultar. Tenho vários condensador em curto mas a corrente dispara para 2.5A tanto de um lado como de outro.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Uma fonte de 3A serve para o efeito? Eu estou a tentar usar isso com a minha mas acho que nao esta a resultar. Tenho vários condensador em curto mas a corrente dispara para 2.5A tanto de um lado como de outro.

 

O ideal é 30V por 5A. Essa de 3A não serve para notebooks.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Ok, obrigado. é desta que vou comprar uma nova (ja andava a adiar a muito tempo)

Share this post


Link to post
Share on other sites

Muito legal o tópico. Realmente, o melhor para consertar not é a de 30V por 5A.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Tenho agora uma fonte de 5A mas mesmo assim nao consigo perceber como encontro o curto. Qualquer condensador que meço na trilha com curto da-me 5A de consumo de um lado e no outro o mesmo consumo. E nada aquece :/ sera possível alguém fazer um tutorial detalhado :)

Share this post


Link to post
Share on other sites

Qual a linha que vc ta medindo? Se é a do B+ (tensão da fonte ou da bateria), se é a do VIN (tensão somente da fonte) ou se é de alguma fonte secundário (5V, 3,3V). Se possível posta o modelo da placa-mãe, o link pro esquema dela e indique qual capacitor que vc esta injetando tensão.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Qual a linha que vc ta medindo? Se é a do B+ (tensão da fonte ou da bateria), se é a do VIN (tensão somente da fonte) ou se é de alguma fonte secundário (5V, 3,3V). Se possível posta o modelo da placa-mãe, o link pro esquema dela e indique qual capacitor que vc esta injetando tensão.

 

Se eu nao estiver errado acho que é uma fonte secundaria. O modelo é um toshiba A300D, estou a medir no condensador PC144. Eu tirai daqui o esquematico

You are not allowed to view links. Sign in or sign up.

 

ja fiz tambem uma Ninja Fumegation e nada, nao aquece nada.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Que tensão vc utilizou na fonte regulada pra injetar nesse PC144? Nessa linha tinha que ser no máximo 1.5V e olhe lá.

 

Esse é o capacitor de filtragem da fonte do NB Core (north bridge core), ou seja essa fonte alimenta o Ponte Norte com 1.2V, nesse caso vai dar corrente alta mesmo, repara no esquema que essa fonte fornece ate 5A em 1,2V então se vc regulou a sua fonte certinha com 1.2V e injetou nesse capacitor ela vai consumir todos os 5A da sua fonte e isso não quer dizer que essa linha ta em curto, é característica do circuito isso. Via de regra, linha de alimentação do processador, Chipset ponte norte (principalmente com VGA integrado) e chip de vídeo dedicado consome muita corrente mesmo, então pra essa linha é complicado de usar essa técnica com fonte variável. Normalmente usamos (pelo menos eu) essa técnica quando o curto é na linha do B+ (tensão alta, de 19V ou da bateria) e na linha do 3,3V e 5V.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Sim utilizei 1.5v. Mas nao tinha reparado nessa informacao. Obrigado :)

Ja agora fazendo o teste de continuidade nesse condensador e se bipar significa que essa trilha esta em curto certo? Desculpem o offtopic

Share this post


Link to post
Share on other sites

Sim utilizei 1.5v. Mas nao tinha reparado nessa informacao. Obrigado :)

Ja agora fazendo o teste de continuidade nesse condensador e se bipar significa que essa trilha esta em curto certo? Desculpem o offtopic

 

eu acho que primeiro você deve aprender a verificar curto com o multímetro e só quando souber fazê-lo é que deve usar a fonte variável... na aprendizagem devemos subir um degrau de cada vez, porque se os saltamos, tudo complica.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Sim utilizei 1.5v. Mas nao tinha reparado nessa informacao. Obrigado :)

Ja agora fazendo o teste de continuidade nesse condensador e se bipar significa que essa trilha esta em curto certo? Desculpem o offtopic

 

NÃO...

 

Tenha em mente o seguinte, uma corrente alta (5A) com uma tensão baixa (1,2V) vai resultar numa resistência baixa, isso é eletrônica básica. O multímetro vai bipar e indicar curto, mas isso de jeito nenhum quer dizer que essa linha ta em curto. Em geral multímetros bipam quando a resistência é menor que 50 ou 70 ohms e a resistência do circuito que vc ta medindo com certeza é muito mais baixa que isso por isso ele bipa. Pra saber se ele o capacitor esta em curto vc tem retirar ele da placa e testar, no circuito não tem como.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Sim utilizei 1.5v. Mas nao tinha reparado nessa informacao. Obrigado :)

Ja agora fazendo o teste de continuidade nesse condensador e se bipar significa que essa trilha esta em curto certo? Desculpem o offtopic

 

NÃO...

 

Tenha em mente o seguinte, uma corrente alta (5A) com uma tensão baixa (1,2V) vai resultar numa resistência baixa, isso é eletrônica básica. O multímetro vai bipar e indicar curto, mas isso de jeito nenhum quer dizer que essa linha ta em curto. Em geral multímetros bipam quando a resistência é menor que 50 ou 70 ohms e a resistência do circuito que vc ta medindo com certeza é muito mais baixa que isso por isso ele bipa. Pra saber se ele o capacitor esta em curto vc tem retirar ele da placa e testar, no circuito não tem como.

 

Obrigado pelo esclarecimento, tenho muito para ler ainda entao :)

Share this post


Link to post
Share on other sites

Para achar se tem curto é fácil:

1º vc precisa usar a fonte variável como alimentação do notebook. Lá vai aparecer a amperagem.

2º deixe a voltagem em torno de 19,8V(o notebook consome em watt(VOLTAGEMxCORRENTE) então quanto menor a voltagem maior a corrente).

3º Observe a ameragem. Um notebook normal liga e dá vídeo com 1.2A~1.5A. Isso é normal. se não dá vídeo e está com essa amperagem, em geral é problema na tela.

Quando o conector é plugado e o note está pronto para partida deve apresentar de 0,01A~0,06A, dependendo do notebook. caso esteja em 0,00A ele não dará partida.

Quando plugado der de 0,10~20A tem algum componente em curto. Passando a mão na placa vc sentira ele queimando sua mão.

se der de mais q isso tipo 5A ou próximo é um curto na placa, quero dizer positivo e negativo em curto, não apenas um componente específico, mas pode ser causado por um componente. Nesse caso vc verá o componente frito a esse ponto.

 

Os curtos em geral são fáceis de detectar mesmo não visíveis. Utilizando um multímetro com teste de continuidade nos capacitores maiores (pretos) e os médios(marrons) se der entre 0,00 ou 0,01ohms eles estão em curto. Os capacitores por dentro são formados por duas placas separadas, uma delas é carregada com mais eletrons q a outra, fazendo uma diferença de potencial(voltagem) entre as duas, caso essa voltagem, por alguma razão(temperatura, qualidade do material, umidade..etc) seja suficiente para os eletrons de uma das placa passarem para a outra, o capacitor entra em curto.

Nos processadores há pequenos capacitores q entram em curto, caso esteja, troque-o. Cuidado para não encostar em capacitores próximos, pois é mto facil encontrar um falso curto, então quando achar um meça várias vezes com mto cuidado, vc pode estar encostando num dissipador, numa carcaça ou qq componente por perto. ah!... não confunda bobina com capacitor, as bobinas sempre vão ser um curto, elas são iguais um capacitor, porem cinzas. 8)

 

Há tambem os mosfets, são aqueles de oito pernas um pouco menores que uma bios. Costumam dar mtos problemas para medir é só colocar uma ponteira entre as pernas do meio(2 ou/e 3) de um lado e a outra do outro lado tbm no meio(6 ou/e 7).

 

Dica: se a amperagem estabilizar entre 0,60A  qse sempre é memória ou processador

 

Bjo

 

 

 

  • Nice 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Restore formatting

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Sign in to follow this  

SOBRE O ELETRÔNICABR

EletrônicaBR é o melhor fórum técnico online, temos o maior e mais atualizado acervo de Esquemas, Bios e Firmwares da internet. Através de nosso sistema de créditos, usuários participativos têm acesso totalmente gratuito. Os melhores técnicos do mundo estão aqui!
Técnico sem o EletrônicaBR não é um técnico completo! Leia Mais...
×
×
  • Create New...