Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

alexbr

Amigo EletrônicaBR
  • Posts

    213
  • Posts por dia

    0,17
  • Registrado em

  • Última visita

  • Créditos

    142
  • País

    Brasil

Joinhas

42 Nível 8

Sobre alexbr

  • Rank
    Membro Pleno
  • Data de Nascimento 05-02-1982

Informação Pessoal

  • Localidade
    Campinas
  • Texto pessoal
    Todo o apoio é bem vindo, e o contraditório também

Últimos Visitantes

O bloco dos últimos visitantes está desativado e não está sendo visualizado por outros usuários.

  1. Acho que inverteu as letras ni pra in. Normal. Alguem fazendo a busca pode não achar. Não seria HP Omni 100 com AMD placa APP80-IN? Abraço!
  2. Visualizar Arquivo 59127087a652b BIOS SONY- Vaio SVS151A11X ou SVS15115FBB - Foxconn v130 ou MBX-262 - verso original e atualizada 16373.zip 59127087a652b BIOS SONY- Vaio SVS151A11X ou SVS15115FBB - Foxconn v130 ou MBX-262 - verso original e atualizada 16373.zip Uploader alexbr Enviado 09-05-2017 Categoria Sony  
  3. Versão 1.0.0

    5 downloads

    59127087a652b BIOS SONY- Vaio SVS151A11X ou SVS15115FBB - Foxconn v130 ou MBX-262 - verso original e atualizada 16373.zip
  4. Boa tarde rapaziada! Acho que estou rumando pra dar o veredicto como sendo o display. A imagem com textos legíveis tipo Canal Fulano de Tal HD, Sem Sinal etc. apareciam e depois ficavam estáticas (ou piorando, com certeza depois) se eu usasse o controle remoto ou botões pra mudar algo, foi por isso que imaginei algum problema de placa. Eu "inventei" um teste. Retirava e colocava o flat da placa principal pra TCON. Fiz também retirando os flats que saem da TCON para o display. Percebi que a tela mesmo desconectada dos flats, isso reiniciada TV após retirar da tomada e descarregar energia do botão power etc. sempre feito por padrão, ocorria da imagem continuar no mesmo grau de borrão. Na verdade muto lentamente comprovei que mesmo testando pelos nos dois lados da tela ocorria de vagarosamente "descarregar" o borrão quando desconectada a tela. Demora alguns minutos pra tela ficar esmaecendo até sumirem todas linhas e borrões. Se conectar novamente os FLATs, recarrega o problema. Sou ignorante de telas de TV, achava algo como que a TCON seria a única placa da tela (diferentemente de notebook que tem plaquinha junto), mas imagino que deva ainda haver alguma outra plaquinha por dentro da armadura da tela, ou algo similar interno com defeito. Não tinha visto as bem vindas sugestões que os digníssimos colegas gentilmente indicaram quando fiz este último teste. A não ser que eu encontre um esquemático interno genérico ou um procedimento viável recomendado pra abrir a carcaça do display, estarei crente e dando finalizado este tópico e em uns três dias e agradecendo também. @Fernando Teixeira Até pode haver um problema de umidade, talvez isso explicaria o aparente curto circuito do black box da tela. Se achar que vale indicar-me algum procedimento para isso farei. Como a tela sozinha tipo que guarda a última energização por alguns minutos não vou verificar sinais LVDS. Acho que como tentativa de despedida vou tentar limpar as fitas flat, como vc e outros colegas indicaram. @Josuel Marques As vezes algumas marcas dessas travinhas são infernais de arrumar. Esta parece estar bastante razoável. Não tenho limpa contatos, e já tinha usado wd40 mesmo. Também tinha apertado com dedos e nada de especial. Acho que fita pano é mais legal de calcar o reforço das travinhas as vezes. Vou limpar os flat da tela denovo pra despedir-me da tv como último procedimento, acho. @ferro velho Pode ser possível que tenha também problema nas placas, o que agora acho que não é provável. Retirei com mais paciência, observação e metodicidade os flats e tem algum tipo de acumulação de carga com algum tipo de curto na danada da tela mesmo. @tecgess Pelo visto o problema é de ambos os flats da tela pra algo mais dento da tela. Nunca abri uma dessa pras aber a "anatomia", e acho que deve haver plaquinha interna escondida e com problema, possivelmente inacessível para reparos. Só abri completamente as de notebooks mesmo. @Gilson Macedo Achei que você tava na torcida, na geral desorganizada, mas chamou um time inteiro pra jogar. hehe Enfim, vou ver se com calma acho algo da "anatomia" dum LCD desse de TV e talvez vou tentar dar mais uma secadinha com pano, estação ar quente bem levemente, ou sei lá como nesses flat da tela pra ver se muda algo. Desculpem as bestagens e ingonoranças infiéis que posso ter proferido. Muito obrigado! Bom fim de semana!
  5. detalhe de uma outra tentativa ocorrendo a "desincronia" vertical onde exibe letras. Qualquer orientação pra fazer algum teste ou fotos e detalhes é só explicar que farei. Ainda não testei muito. Nem inventei teste de colocar cabo flat da placa principal depois de ligada, ou ligar flat da tela com ela ligada, nem fiz reflow etc. pois se houver veredito de ser a tela não farei. Mas a esperança e vontade de dar certo é grande, então tentarei o que for consenso dos técnicos gabaritados daqui do fórum. Vai que é só bater o olho pra dizer que é a T-CON ou o display/tela etc. daí é só ou transformar em peças ou tomara só correr pro abraço, meus caros amigos.
  6. Não necessariamente na ordem ou na mesma tentativa. Cada vez é diferente, mas sempre vai tender pra ficar mais acumulado e ficar um branco amarelo fogo variado. Percebamos algo que me parece ser relativo à sincronicidade, pois onde tem letras ou principalmente várias linhas de texto ocorrerá um certo tipo de embaralhamento vertical, e as vezes duplicidade, triplicidade etc. do texto em local diferente na "desincronia" (certo?) vertical. Podemos perceber na imagem 05 (destacado num retângulo vermelho) que o texto persiste mas ao redor vai se acumulando de cor/sinal até ficar bem perto de um tipo de branco, mas não cor pura, plena, como se tivesse alguma textura.
  7. Peço a permissão aos colegas de fórum pela visita à área de TV e a prestimosa ajuda que darão neste fórum. Venho do setor de notebooks. Bem, tenho dúvidas se a TV está com problema realmente no painel/display, e desconfio (e tenho esperanças também, confesso) que haja problema apenas na placa TCON ou na placa principal. Sintomas. -Ligo a TV e aparecem linhas brancas horizontais espaçadas quase a uns meio centímetros. -Se aparece a mensagem sem sinal persistem linhas mas percebe-se verticalmente só onde há as letras do texto uma perturbação no sentido vertical, tipo linhas fracas distorcidas, mas apenas onde tem alguma letra escrita. -Com o tempo vai começando a aumentar as linhas e cores de fundo, vai borrando e piorando. -Tem vez testo e que tá melhor, tem vez pior. Se não liguei faz tempo fica melhor por mais tempo, nos primeiros instantes que liguei. -Colocando antena sai som nos canais melhor sintonizados, mas a imagem devida é impossível ver, fica naquele borrado meio estático. Como tem essa progressiva piora até ficar borrado; tem a distorção vertical leve embaralhada onde tem letra de mensagem legível dizendo que está sem sinal; como tem certa falta de padrão estático mais típico (suponho), acho que possa vir a ser algum problema de circuito, não sei se memória (pois não fica aqueles quadriculadinhos de BGA ruim de memória de vídeo) ou alguma sincronização antes ou na própria placa T-CON. Enfim, antes de sair fuçando, testando reflow etc. queria perguntar aos colegas mais experientes pra poupar tempo, dinheiro e dor de cabeça. Não achei esquemático, apenas achei o Service Manual simples em powerpoint, o que não deve ajudar muito. Mas pelo menos indica que há poucas diferenças relevantes pra reparo nos modelos de diferentes polegadas 40" 46" 52" 55" UNXXB6000VM UN40B6000VM UN46B6000VM UN52B6000VM UN55B6000VM Vou colocar as imagens em sequência nas mensagens abaixo. Aguardo as provocações, inspirações e sentenças, sem falar na torcida. Obrigado!
  8. Resolvido! Reinstalei uma nova ROM 4.3 oficial encima da antiga ROM 4.3 oficial e tá redondinho. Não fica mais ruim de sensibilidade do touch também, o que eu até imaginava, em minha ignorância de smartphone, que seria algum problema de hardware. Não faço ideia de hipótese plausível ou especulativa para explicar quando o aparelho ligava ou não, mas tá resolvido. Como disse não sou entendido mesmo, nem entusiasta. Mas suponho que em algum momento usei os APP free space defragment e o APP Trimmer que travou, e reiniciei ou algum uso com bateria bem fraca que não fez o serviço direito. Enfim, passei regravação e está rápido e preciso. Só tenho que descobrir como apagar os APP de Games demo que vieram instalados na nova ROM e fica redondinho e vou enfim poder usar um smartphone novamente quase apenas com recursos de simples celular.
  9. @jon2002 Até desconfio de memória ram ou flash. Ainda não regravei. Mas já havia baixado o app pra verificar se tem daqueles chip S3 que vinham ruins de fábrica, mas deu "no. sane chip", isto é, chip bom . Não sei de nenhum memtest pra android pra varrer os padrões pra saber se o chip "bom" estaria ruim. Vou ver de como fazer becape do IMEI e MAC e fazer root pra instalar novo Android, talvez o 5.11. Obrigado!
  10. Não é bem minha praia celular, não curto muito, prefiro mais trabalhar com notebook, contudo o aparelho é meu e gostaria de pedir a ajuda aos colegas de fórum. Operações: Verifique num app e não tem daquele CI dos S3 mais antigos que dava a tal morte súbita. Aparelho sem root, Android 4.3 original com os APPs Google e Samsung atualizados. Fiz um reset factory; hard resset, melhorou um pouco mas ainda continua o problema. Sintomas: Congela a tela, as vezes trava funções primárias; e trava as funções secundárias, as vezes com certo retardo desde o congelamento da tela. As vezes a tela fica movimentando alguma animação, mas trava o sistema e botões touch. Só desligando e religando pra voltar. Geralmente trava na inicialização. Retirando bateria e religando encostando mão na bateria e os pés descalços costuma ter maior taxa de sucesso na reinicialização. Creio que seja um problema meio comum. Celular congela (freeze) a tela em uso, as vezes mantém rodando pro algum tempo alguma função secundária com ancoragem roteador. Trava na inicialização, com a logo SAMSUNG cintilando. É muito chato, mas as vezes tem que ficar em várias tentativas até conseguir ligar. Uma curiosidade é que retirando a bateria, pressionando botões para descarregar alguma carga remanescente, e reconectando a bateria encostando-se a mão na bateria, e estando em contato com o chão (terra?!) costuma ter maior taxa de sucesso ao ligar. Talvez menos de aterramento e mais alguma relação com NFC, ou especialmente com a capacitância da tela touch, pois pra boa resposta ao toque é bom ter a palma da mão por trás no celular. Quem sabe se smartphone tivesse das famigeradas e quase inúteis placas de POST como nos notebooks saberia o erro?! A bateria não está nova, e sei que esse aparelho não funciona bem com bateria que não aguenta fornecer toda amperagem requerida. Talvez haja também algo de carência de elétrons livres. Bem pode ser memória Ram ou memória flash, mas não sei o que poderia varrer pra testar. >>> Mas de verdade não vim especular minhas hipóteses, mas sim ver o que de fato é comum e recomendado nesse caso que creio que seja típico. Assim quero pedir indicação do que de fato ocorre comumente. >>> Tem casos parecidos? É um problema típico ou comum? <<< Pode ser que indiquem trocar bateria (aparelho velho não compensa arriscar com bateria nova, até porque não teria pra quem repassar depois pois não mexo com celulares), limpar com isopropílico, fazer um minimal esquentation, reflow, reballing, etc. Prezo primeiro por sistematicamente seguir orientações baseadas em casos semelhantes. Depois disso buscar os bons e queridos palpites. Devo lembrar que sou mais da área de áudio e notebooks, mas mesmo sem familiaridade há muitas coisas semelhantes. Agradeço desde já!
  11. alexbr

    SIM+ 5160M mobo C14CR01 não reconhece a bateria

    Se é a placa que estou imaginando ela tem várias versões, mas basicamente é a mesma, aí qualquer esquema que bata deve servir pra estudar. Um mais preciso melhor, mas esse parece bem igual na página do antigo que lhe passei antes. Imprima a tal página e anote nela as tensões do conector da bateria, com ela conectada e a fonte/carregador também, as tensões dos componentes que os colegas perguntaram. Meça com muito cuidado e atenção pra não escorregar a ponteira condutiva. Ponta preta no orifício com cobre faz o terra; escala de 20V na multiteste; e boas medições.
  12. alexbr

    Bancada Alguma Idéia???

    @Andersom Ricardo Como relatado nitidamente esse seu terra foi feito exclusivamente para a pulseirinha anti-ESD. Caso fosse para equipamento (o aterramento mais cumum) não seria ideal pela técnica apurada dividir o mesmo, mas para a prática vai encontrar opiniões múltiplas e diversas inclusive indicando usar dividindo o mesmo terra se nenhum equipamento estiver com muita "fuga" pro terra, ou sabe-se lá que situação ou opinião. Fato é que fez um terra inteiro só pra pulseirinha, isso é suficientes, e mais que suficiente pra aterramento anti-estático. Deve existir uns tópicos com gente que teve coragem de confessar que não gosta e faz questão de não usar pulseira nem manta anti ESD, e que argumente e bem argumentado. O padrão é dizer amém ao máximo de aterramento antiestático super bem individualizado e com haste profunda e multiplas e com sais no solo etc. e com medição perfeitamente zero num multímetro, terrâmetro, osciloscópio portátil etc. O que em exagero é realmente uma bobagem que faz os princípios da teoria parecerem nitidamente não compreendidos por puro fanatismo fundamentalista. Nem 8 nem 80. Não precisa de higroscópio nem cabelo de loira pra ver umidade relativa, núvem cumulus nimbus, etc. Estudar o tema e discutir abertamente e falando bobagem pra ser corrigido é o ideal. Mais ideal que o aterramento ideal caríssimo. É a teoria e prática bem fundamentadas lhe permitindo escolher. Vinte e poucos anos atrás, ou mais, como fica cômico lembrar dos técnicos pegando uma placa pela ponta com cuidadose cacoetes, mas na hora do vamo-vê metendo a mão, serrando pino do meio da tomada etc. Eu tinha um PC XT que me dava muito choque. Na época eu abria de curioso e metia a mão em tudo e nunca deu problema, parte pelo projeto com carcaça de metal etc. e parte pela robustez mesmo. Outras coisas mais sensíveis, em dias secos era o que o tupi nhangatu diria: babau! Nunca usei, mas existem à venda pulseirinha de custo de uma arara mais uma tartaruga que é sem o fiozinho. Se é bom não sei. Como funcion também não sei, mas desconfio de capacitor cerâmico que torra a energia em diodos galenas da vida ou resistores funcionando mais como resistências liberando calor. Se alguém sabe a teoria ou abriu um diga o que tem dentro e se dá de sintonizar rádio estação. Acredito que na seção eletrotreco possamos desenvolver uma simples, eficiente e caseira pulseira ou tornozeleira ou tiara ou colar anti ESD sem fio. Quem abre o tópico? O contraditório é muito bem vindo.
  13. Amigo @Wesllen Veja bem, entrando na onda do palpite rápido e solto é tendencioso a gente soltar palpite sugerindo trocar um resistor ínfimo (embora ínfimo, com nível de precisão de 1%, atenção) por "arriscar" por um rsitor nulo (ou jumper, condutividade total). Mas isso na total ausência de substituto e com certos cuidados. Se examinar a fundo vai ver que um sensor (ACPositivo) é antes e outro depois (ACNegativo) desse resistor pequeniníssimo mas de alta precisão. Isso deve algo à ver com regulagem fina de algo como por exemplo tensão etc. (tem que analisar direito pra ver o que). Mas isso vai também pra estudar por dentro do CI, amplificadores operacionais, portas lógicas, ou sei lá o quê tem por dentro ou como funciona. Enfim, na falta de um substituto de igual resistividade e precisão de 1%, adote um igual de precisão 5%, como o amigo @Gilson Macedo enfaticamente recomendou. Agora, eu (eu), na falta disso tudo "arriscaria" (em via de palpite solto e frouxo, sem mais estudo e esmero) deixar com ligação direta (jumper) mesmo; só pra poder passar corrente no ckt pra "ligar" e verificar o efeito, estabilidade etc. e com sorte localizar também o defeito e reparar lá onde estaria. Melhor gambiarra seria com um super multiteste precisa ir funçando componentes resistivos daquela resistividade. Sabe-se lá, um fusível ou um fusistor ou sabe lá um pedacinho dalgum arame ferroso (algo muito menos condutor que o ouro) daria via arte ninja aquela resistividade (exemplo, arame de varal com 2cm dá 10R, faz regra de três unidimensional e corta pequeno com uso de paquímetro não deixando aquela medida ser tomada por estanho, nem sobrar mais). Enfim, tem a gambiarra pra meramente ligar pra ver no que dá e tentar achar algo, e a arte de analizar minuciosamente e fazer ligar com mais ou com menos exercício do Ninjitsu. Outra coisa é que resistor 0, 00, 000, são na verdade não-resistores. Não tem função nenhuma de minimamente barrar a corrente elétrica, pelo contrário é pra passar totalmente, por isso também são chamados de Jumper no meio técnico, pois de fato o que não são é resistores. Indo para a parte prática. Pela sua substituição do resistor ínfimo por um jumper, parece que funcionou. Se não mediu nenhuma alteração mais notável nas tensões do circuito charger funcionou. Suponho isso porque se tivesse visto algo errado certamente teria comentado. Da placa. Tem placa que dá muito trabalho e não compensa muito investir. Mas a sua parece que ligava na bateria. Confesso que não li, reli, ou analisei agora pra comentar mais proveitosamente acerca disto. Vim escrever-lhe mesmo é pra delimitar algumas coisas acerca de resistor funcional e jumper, pra não virar um problema de conceito com implicações futuras. Mas reveja as tensões do charger, veja o ACDET, veja o super i/o que pode não estar recebendo informações pra controlar e comutar. Mas se a BIOS está sem os 3V, pode ser algo no próprio OZ8062 ou em alguma fonte secundária. Com cuidado seria bom que medisse as tensões principais geradas e distribuidas pelo CI, o ACDET, a comunicação dele com o microcontrolador super I/0, ou quem sabe lá na fonte secundária que vai pra alimentar o pino 8 BIOS. Sabe lá, as vezes é algo simples como um mosfet comutador ou algo complexo que dá pouco ânimo desvendar. OBS. Este último parágrafo foi escrito sem ler nem lembrar das mensagens, o foco desta mensagem foi mesmo pra delimitar qualquer confusão entre resistor ínfimo e condutor. Abraço!
  14. Starter Learning Kit with Nano Board - COLORMIX 149059501 for UNO R3 Mega 2560 Mega 328 $29.30 [Conteúdo Oculto]

SOBRE O ELETRÔNICABR

EletrônicaBR é o melhor fórum técnico online, temos o maior e mais atualizado acervo de Esquemas, Bios e Firmwares da internet. Através de nosso sistema de créditos, usuários participativos têm acesso totalmente gratuito. Os melhores técnicos do mundo estão aqui!
Técnico sem o EletrônicaBR não é um técnico completo! Leia Mais...
×